Ouça a Nova Era 94,1 FM
Pelos Aplicativos

Clique para Ouvir Peça sua música

Dárcy Vera se entregará, mas vai recorrer de decisão do STJ


Dárcy Vera se entregará, mas vai recorrer de decisão do STJ
Dárcy Vera deve voltar para a prisão (foto: Milena Aurea / A Cidade)
A advogada de defesa da ex-prefeita Dárcy Vera, Cláuda Seixas, anunciou que recorrerá ao STF (Supremo Tribunal Federal) contra a decisão dos ministros do STJ (Superior Tribunal de Justiça). Por quatro votos a um, os ministros da 6ª Turma decidiram pela revogação da liminar que mantinha a ex-chefe do Executivo em liberdade.
Cláudia confirmou que Dárcy se entregará a Justiça, mas não informou quando e horário. “O julgamento acabou de acontecer. Mas ela [Dárcy] vai se entregar. A expectativa é que a prisão ocorra nesta sexta-feira após o STJ comunicar o caso a Justiça local – a quem cabe a expedição do mandado de prisão.
Para os ministros, é concreto o receio de que haja movimentação, dissipação ou ocultação dos valores que se quer recuperar. Dárcy é acusada de ter recebido R$ 7 milhões de propina para facilitar o pagamento de honorários advocatícios a Zuely Librandi. No entanto, esse dinheiro nunca foi encontrado. O A Cidade antecipou em sua edição de hoje que esse seria um dos motivos que pesaria contra a ex-prefeita.
Segundo os ministros, apesar de já ter sido destituída do cargo, a ex-prefeita ainda pode obstaculizar a investigação por sua notória influência regional.
 
Fonte: ACIDADE ON